• 19 3702-2767
  • Rua Santa Cruz, 876 - Sala 123 - Limeira

Renda maior e expectativa de vida impulsionam setor de distribuição de medicamentos

20 de março de 2013

Renda maior e expectativa de vida impulsionam setor de distribuição de medicamentos
 

A receita com distribuição de medicamentos deve crescer de 15% a 20% este ano em relação a 2012 e dobrar de tamanho até 2017. A previsão é de Geraldo Monteiro, diretor-executivo da Associação Brasileira dos Distribuidores de Laboratórios Nacionais (Abradilan).

 

Segundo ele, fatores como aumento de renda, taxa de desemprego reduzida e maior expectativa de vida impulsionarão o crescimento do setor em 2013. "As pessoas estão cuidando mais da saúde. Esses fatores conjugados fazem com que tenhamos projeções tão otimistas", disse.

 

As empresas, de seu lado, iniciam novo ciclo de investimentos para atender a demanda maior. Levantamento da Abradilan mostra que 47,4% dos seus 124 associados planejam investir em ampliação de centros de distribuição e qualificação dos funcionários.

 

"As empresas entendem que quanto maior a qualificação melhor será o serviço", disse Monteiro. De acordo com ele, a falta de qualificação profissional é um problema tanto em áreas que exigem especialização e diploma universitário quanto naquelas em que não é requisitado estudo específico. "As empresas do setor têm encontrado dificuldades na busca por mão de obra. É comum o indivíduo ter diploma e não saber desempenhar corretamente sua função. É um verdadeiro problema", afirmou.

 

O mesmo levantamento aponta que 8,8% dos pesquisados não farão investimentos neste ano. Esse grupo é formado por empresas que já fizeram aportes significativos e se prepararam com antecedência para o aumento da demanda futura, segundo Monteiro.

 

Ainda de acordo com a pesquisa, um terço dos entrevistados aposta em crescimento acima de 30% da receita bruta neste ano em relação a 2012. Já os que estimam expansão entre 21% a 30% representam 24,6% dos associados.

 

A provável melhora na atividade econômica brasileira em 2013, em comparação com o ano passado, também ajudou na formação de um cenário otimista para o setor. "No ano passado, tivemos um `pibinho` e, neste ano, as projeções são um pouco melhores" disse. "Nossas perspectivas estão atreladas ao aumento de expectativa do cidadão e à renda", acrescentou o diretor-executivo da Abradilan.

 

FONTE: VALOR ECONÔMICO

voltar
20 de março de 2020

GUIA DE PREVENÇÃO SOBRE O CORONAVÍRUS

Continue lendo
20 de março de 2020

Máscaras servem para proteção contra o novo coronavírus?

Continue lendo
18 de março de 2020

Surto de doença por coronavírus (COVID-19): diretrizes para o público

Continue lendo
Ver todas